Alexandre Serfiotis alerta sobre problemas na região decorrentes da paralisação

Alexandre Serfiotis alerta sobre problemas na região decorrentes da paralisação

25/05/2018 0 Por

A greve dos caminhoneiros chega ao quarto dia e vem trazendo inúmeros danos aos brasileiros. Vários setores da economia estão sofrendo reflexos desta paralisação, o que afeta a todos. Ontem, a Petrobras anunciou uma redução de 10% na cotação do diesel pelo período de 15 dias, mas a Associação Brasileira dos Caminhoneiros (Abcam) diz não ser suficiente. A categoria grevista espera que o governo retire a PIS/Cofins e a Cide incidentes sobre os combustíveis e que a medida entre oficialmente em vigor

Nas cidades do sul fluminense, onde o deslocamento é feito na maioria das vezes pela Rodovia Presidente Dutra há falta de gasolina, filas nos postos, hospitais, escolas e frotas de ônibus com funcionamento reduzido. Além disso, já é latente que há desabastecimento do comércio, com falta de alguns alimentos e preços variáveis.
O deputado federal Alexandre Serfiotis, que é natural de Porto Real, interior do estado, afirmou na Câmara dos Deputados que o país não pode parar, “estamos na Câmara dos Deputados defendendo o direito de ir e vir de todos os brasileiros e cobrando da Petrobras uma atitude responsável em relação ao preço dos combustíveis”, conta.

O parlamentar diz que em sua avaliação considera legítima a paralisação dos caminhoneiros contra os abusos do preço da Petrobras, “todos nós somos prejudicados com esses aumentos, pois somos consumidores, não há cabimento para tanto aumento. O Brasil parou, e isto mostra a importância do transporte rodoviário, que é mais usado em nosso país. O governo precisa tomar atitudes urgentes, cabíveis e o principal, justas, para reverter esta situação”, defende.